Poesia nas Ruas

Quando comecei este blog tinha na ideia partilhar textos sobre Yôga e fotos de frases e poemas que encontro por aí.

Confesso que gosto de coleccionar tudo o que me chama a atenção: frases e poemas escritos nas paredes, stencils e grafitis bem produzidos, murais que fazem lembrar o tempo em que a luta política se fazia no espaço público.

Ultimamente não tenho colocado muitas fotos, por isso, em jeito de resumo aqui ficam algumas das que tirei nos últimos tempos.

IMG_1307

Exposição de Fotografia de Jorge Pimentel “Palavras D’Olhar”, no Museu D. Diogo de Sousa.

IMG_1793

Numa parede da Casa dos Coimbras. (Apesar de achar certa piada à frase, confesso que não gosto de ver isto nas paredes de um Monumento Nacional. Sim, a cada foto que tiro existe dentro de mim um debate sobre o que é vandalismo e o que é arte!)

IMG_1431Foto tirada a partir da esplanada da Spirito, enquanto bebia um cappuccino e saboreava um red velvet cupcake.

IMG_1794

Não me lembro 🙂

IMG_1790

Ao pé do Jardim de Santa Bárbara.

IMG_0848

Na Rua das Palhotas.

bemcomum

Foto a vários caixotes do lixo, só para mostrar a criatividade que há nas ruas desta cidade.

Gosto muito destas vozes que me fazem pensar enquanto caminho nas ruas da minha cidade. São poetas, anarquistas, artistas, indignados, ou apenas gente com muita imaginação. No fundo, estas vozes que se fazem ouvir nas ruas, quebram o silêncio e a indiferença associadas aos grandes espaços urbanos.

Se quiserem ver mais fotos cliquem na categoria Poesia nas Ruas aqui do lado direito:)

 

Anúncios